Vendedor de Roça: o processo de vendas

Amigos leitores,
reproduzo para vocês uma piada clássica que considero muito interessante (e didática) para o processo de vendas. Quer dizer, ela é bem conhecida para uma geração de vendedores como eu “jovem há mais tempo”, mas acredito que não seja para muitos da geração “jovem há menos tempo”.
Além de darem uma boa risada, recomendo que pratiquem esse “modus” caipira de vender. Um bom vendedor não deixa de explorar tanto as necessidades explícitas quanto as não explícitas do seu cliente e também procura não só atender como superar suas expectativas!
Aprenda com o vendedor de roça como fisgar um cliente…
Vendedor de RoçaUm garotão inteligente, vindo da roça, candidatou-se a um emprego de vendedor numa grande loja de departamentos da cidade.
Na verdade, era uma dessas mega lojas de departamentos onde tudo podia ser comprado.
O gerente perguntou ao rapaz:
– Você já trabalhou alguma vez como vendedor?
– Sim, eu fazia negócios na roça.
O gerente gostou do jeitão simples do moço e disse:
– Pode começar amanhã. No fim da tarde venho ver como se saiu.
O dia foi longo e árduo para o rapaz. Às 17h30m o gerente se acercou do novo empregado para verificar sua produtividade e perguntou:
– Quantas vendas você fez hoje?
– Uma!
– Só uma? A maioria dos meus vendedores faz de 30 a 40 vendas por dia!
De quanto foi a sua venda?
– Dois milhões e meio de reais.
– COMO CONSEGUIU ISSO???
– Bem, o cliente entrou na loja e eu lhe vendi um anzol pequeno, depois um anzol médio e finalmente um anzol bem grande.
Depois vendi uma linha fina de pescar, uma de resistência média e uma bem grossa. Para pescaria pesada.
Perguntei onde ele ia pescar e ele me disse que ia fazer pesca oceânica.
Eu sugeri que talvez fosse precisar de um barco, então o acompanhei até a seção de náutica e lhe vendi uma lancha
importada, de primeira linha.
Aí eu disse a ele que talvez um carro pequeno não fosse capaz de puxar a lancha e o levei à seção de carros e
lhe vendi uma caminhoneta com tração nas quatro rodas.
Perplexo, o gerente perguntou:
– Você vendeu tudo isso a um cliente que veio aqui para comprar um pequeno anzol?
– Não senhor. Ele entrou aqui para comprar um pacote de absorventes para a mulher, e eu disse:
‘Já que o seu fim de semana está perdido, por que o senhor não vai pescar? ‘
Agradecemos a contribuição do nosso parceiro Fernando Fagundes, Diretor de Operações e Expansão da ATP.


Envie este artigo por e-mail.

Voltar para a home

Posts Relacionados







17 respostas para “Vendedor de Roça: o processo de vendas”

  1. Prezado Eduardo:

    Boa tarde.
    Agradeço por dividir este exemplo valioso e divertido.
    Waldie Trevisan-SHV Gas

  2. Boa tarde Eduardo,

    Essa realmente vale como uma fonte inspiradora….

    Abraços,

    Carlos Alberto Saraiva da Costa
    Gestor de Relacionamento
    Diretoria de Relacionamento – TOTVS

  3. Eduardo, boa tarde!
    Li seu texto e, embora já o conhecesse, achei muito divertido. Atenciosamente / Best regards

    Sandro Clobucar
    Comprador técnico / Technical buyer
    ——————————————————
    VOITH PAPER
    Outsourcing

  4. José Grecco disse:

    Eduardo,
    Muito boa piada , coisa de vendedor mesmo.
    Abraços

    José Grecco

  5. Muito boa Eduardo!!! Divertida e educativa… abraço, Ling.

  6. Marcelo Maríncola disse:

    Eduardo,

    Muito Boa !!! Faz refletir, acordar e enxergar mesmo !!

    Abraços,

    marcelo maríncola

  7. Renata Moura disse:

    MUITO BOM!!!!

  8. Waldie, Saraiva, Sandro, Grecco, Alexandre, Maríncola e Renata,
    Bom dia!
    Muito obrigado pelos comentários e por nos prestigiar com a sua leitura.
    Abs.
    Eduardo
    09.03.10

  9. Adorei o artigo. Realmente muito divertido.
    Parabéns!
    Klyvian

  10. Danilo Fernandes disse:

    Obrigado, Eduardo! É bom quando lemos algo que ao mesmo tempo nos inspira e nos diverte!

    Grande abraço,

    Danilo Fernandes

  11. Klyvian e Danilo,
    Que bom que gostaram!
    Muito obrigado pelos elogios.
    Abs.
    Eduardo
    11.03.10

  12. Carlos Tonin disse:

    Eduardo, muito legal a mensagem!
    É isso mesmo, é preciso compartilhar do sentimento e sonhos do cliente, para assim obter exito em uma negociação.
    Abraços,
    Tonin

  13. Obrigado Tonin por seus comentários e reforço na mensagem.
    Abs.
    Eduardo

  14. Karen Griz disse:

    Boa tarde!

    Excelente postagem.
    Parece algo tão simples, porém a grande maioria dos vendedores prefere ter uma carteira com dezenas de clientes e não prestar a devida atenção naqueles que tem potencial a ser explorado.

    Fica ai uma dica.

    Abraços;
    Karen Griz
    Assessora de Comunicação
    Faculdade de Vendas

  15. Karen,
    Obrigado por seus comentários. Valeu a dica, com muita propriedade.

    Eduardo

  16. Marcelo do Nascimento disse:

    Olá Eduardo,

    Muito boa. Simples como deve ser a venda, perspicaz como deve ser o vendedor e a inteligência na transformação da dor latente em visão de solução.

    Abraço,

  17. Eduardo Santos disse:

    Olá Marcelo,
    Síntese perfeita; vc disse tudo!
    Obrigado meu caro.
    Abs.
    Eduardo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *